Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2020 09 SETEMBRO Fisioterapia respiratória auxilia servidores que contraíram a Covid-19
15/09/2020 - 10h35m

Fisioterapia respiratória auxilia servidores que contraíram a Covid-19

Durante palestra, profissionais da Seris apresentam técnicas e exercícios que contribuem com recuperação

Fisioterapia respiratória auxilia servidores que contraíram a Covid-19

Palestra apresenta exercícios respiratórios para pacientes com sequelas da Covid-19

Mayara Wasty

Em sua forma branda, os sintomas da Covid-19 podem desaparecer em até duas semanas. Entretanto, tem sido cada vez mais comum o relato de pacientes recuperados sobre o prolongamento dos sintomas, como falta de ar, dor de cabeça e fadiga crônica. Portanto, após vencer a doença, o paciente tem de passar por um novo processo, o da reabilitação.

Tarefas simples, como escovar os dentes ou arrumar a cama, podem se tornar desafios para os pacientes acometidos pelas sequelas do coronavírus. A fisioterapia, por sua vez, figura neste cenário como um importante aliado, contribuindo com a reabilitação dessas pessoas.

E como forma de alertar sobre a necessidade de tais exercícios, a gerência de Saúde da Secretaria da Ressocialização e Inclusão Social (Seris) realizou uma palestra, nessa segunda-feira (14), sobre a importância da fisioterapia respiratória e motora para os pacientes recuperados de Covid-19. Nos dias 17 e 22 deste mês, a equipe de fisioterapia também irá ministrar a palestra na sede administrativa e no Presídio do Agreste, respectivamente.

O fisioterapeuta Felipe da Silva explica que a reabilitação de pacientes é um tema que não tem sido tão discutido atualmente. “Salva-se a vida do paciente, mas muitos deles acabam sendo acometidos de sequelas, sentindo dificuldades para fazer coisas básicas. Isso diminui sua qualidade de vida e impacta diretamente em seu dia a dia. Por meio da fisioterapia respiratória, o paciente volta a ter sua autonomia, readquirindo segurança para voltar à rotina”, avalia o profissional.

Já a também fisioterapeuta Márcia Micheline acredita que, por meio de palestras como esta, os servidores se tornarão mais conscientes e multiplicadores do conteúdo apresentado. “A fisioterapia é muito importante e, por meio da [fisioterapia] respiratória, busca-se melhorar a expansão pulmonar, fortalecendo este órgão vital. Dessa forma, orientamos os presentes acerca dos exercícios para auxiliá-los no processo de recuperação”, reforça.

O policial penal Talles Costa reconhece a importância da prática e conta que pretende usar o conhecimento adquirido para ajudar mais pessoas. “Minha mãe foi acometida pela Covid-19, e percebemos a importância da fisioterapia no seu tratamento, mediante exercícios aeróbicos que estimulam o pulmão a reagir, fazendo com que o paciente tenha uma evolução no seu quadro de saúde”, conta o servidor penitenciário.

“Este assunto é importante. Poderei ajudar não só minha mãe, mas também outras pessoas próximas. Vou incentivar que adotem hábitos saudáveis e procurem seguir as práticas indicadas pelos fisioterapeutas, para que a capacidade pulmonar e a resistência sejam ampliadas. Agora, caso eu venha a ser acometido pelo coronavírus, tenho certeza de que estarei mais resistente à doença”, reforça o policial.

No sistema prisional, a Secretaria da Ressocialização e Inclusão Social (Seris) oferta aos servidores e reeducandos acompanhamento profissional para manutenção e recuperação do bem-estar físico e emocional por meio da fisioterapia. O atendimento acontece sempre às terças e quintas-feiras, das 8h às 12h, no Centro Psiquiátrico Judiciário.

Ações do documento

banner_lai+sic_LATERAL-A-PLONE3.jpg
banner_lai+sic_LATERAL-B-PLONE3.jpg

banner_GERAL_LATERAL_sic-plone3.jpg

banner e-ouv
banner-eouv-plone

banner-transparencia.jpg

banner_formulario

portal_do_servidor

 banner-depen