Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2019 08 - Agosto Casa de Custódia da Capital é dedetizada
21/08/2019 - 16h15m

Casa de Custódia da Capital é dedetizada

Medida profilática visa evitar contaminação de visitantes, servidores e reeducandos; ação será realizada em outras unidades prisionais

Casa de Custódia da Capital é dedetizada

Trabalho visa prevenir doenças entre reeducandos e servidores

Mayara Wasty

Nesta quarta-feira (21), a Secretaria da Ressocialização e Inclusão Social (Seris) realizou uma ação de profilaxia  na Casa de Custódia da Capital (CCC). A ação teve como objetivo dedetizar a unidade para evitar a proliferação de roedores e aracnídeos, como escorpiões. A limpeza cobriu a área interna e externa do presídio sem precisar deslocar os reeducandos e servidores, já que os produtos foram manipulados em áreas que não agregam risco a população. Seguindo cronograma, outras unidades prisionais passarão pelo mesmo procedimento.

A ação foi desenvolvida pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), que possui uma coordenação específica para atender a população na prevenção e combate a pragas. O coordenador da equipe de Controle de Roedores e Escorpiões da SMS, Luiz Ferreira, destaca que o trabalho ocorreu em duas frentes de atuação: aplicação dos pesticidas e conscientização e orientação para combater os roedores e completa explicando a aplicação. “Esse raticida não emprega risco aos agentes penitenciários ou reeducanos, pois não é espalhado no ar, mas sim, aplicado nas trilhas e esgotos”, disse.

Diogo Medeiros, enfermeiro da unidade, destaca que essa é uma forma de promover a saúde, combater doenças diversas e destaca os sintomas da leptospirose, doença transmitida pela bactéria da urina do rato. “O paciente pode apresentar febre alta, vômito, dor abdominal dor muscular, em especial na área da panturrilha”, explicou. “O combate vai promover a saúde de todos e prevenir que fiquem doentes”, completou.

A leptospirose é uma doença tratável, mas que se não receber a devida atenção, pode levar a morte. Separamos algumas dicas de como evitar a proliferação do vetor da doença: roedores.

- Mantenha os locais onde são armazenados ou preparados alimentos sempre limpos;

- Armazene o lixo sempre fechado;

- Em caso de suspeito de roedores em casa, evitar andar descalça no local;

- Tampe os ralos da casa, pois evitará a chegada de ratos e outras pragas;

- Se você tem pet, armazene a ração em locais fechados, abrindo apenas na hora de servir;

- Não acumule papel, jornal, caixas, pois é um ambiente ideal para o roedor fazer ninho.

 Mas se alguns dos sintomas citados acima (febre alta, vômito, dor abdominal dor muscular, em especial na área da panturrilha) aparecer, procure imediatamente uma unidade de saúde para o diagnostico e tratamento correto.

A Secretaria Municipal de Saúde disponibiliza o serviço de controle de pragas para a população. Para solicitar o serviço, basta ligar para os telefones: 3221-2523 e 3315-5360 e agendar uma visita.

Ações do documento

banner_lai+sic_LATERAL-A-PLONE3.jpg
banner_lai+sic_LATERAL-B-PLONE3.jpg

banner_GERAL_LATERAL_sic-plone3.jpg

banner e-ouv
banner-eouv-plone

banner-transparencia.jpg

banner_formulario

portal_do_servidor