Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2019 03 - MARÇO Educação no sistema prisional brasileiro é tema de videoconferência
28/03/2019 - 18h40m

Educação no sistema prisional brasileiro é tema de videoconferência

Representantes da Seris debateram alguns pontos do Plano Estadual de Educação nas Prisões de Alagoas com MEC e DEPEN

Educação no sistema prisional brasileiro é tema de videoconferência

Maysa Cavalcante

Representantes da Secretaria da Ressocialização e Inclusão Social (Seris) participaram nesta quinta-feira (28) de uma videoconferência com o Ministério da Educação (MEC), Departamento Penitenciário Nacional (Depen) e gestores de Educação dos sistemas prisionais de todo o país. A iniciativa teve como objetivo promover o debate sobre a educação nas prisões e meios para a ampliação do acesso a esse direito.

A nível estadual foi abordado, especificamente, o Plano de Educação nas Prisões de Alagoas. O documento foi elaborado e assinado pela Seris em parceria com a Secretaria de Educação (Seduc) em 2017, enfatizando a ampliação e a qualificação da oferta de educação nos estabelecimentos penais. 

Durante a videoconferência foram abordados assuntos como o alinhamento da Educação de Jovens e Adultos (EJA) com a formação profissional dos reeducandos, além dos avanços e dificuldades encontrados na aplicação do Plano Estadual de Educação nas Prisões nos estados. De acordo com a gerente de Educação, Produção e Laborterapia da Seris, agente penitenciário Andréa Rodrigues, a reunião foi a base para o desenvolvimento de novos projetos.

“Nesse momento, os estados apresentaram as boas práticas desenvolvidas por eles aos novos integrantes do MEC e do DEPEN e  iremos elaborar um relatório através da impressão que tivemos. Nesse documento cada participante vai relatar as dificuldades e as expectativas pra 2019, além de apresentar o que precisará da SERIS. Outro ponto abordado foram os recursos enviados pra os Estados, através do Plano de Ações Articuladas (PAR), o MEC e o DEPEN estão levantando informações sobre a situação financeira e de operacionalização das ações na área da educação nas prisões”, disse Rodrigues.

Além da gerente de Educação, Produção e Laborterapia da Seris, também participaram da reunião a supervisora de Educação, agente penitenciário Genizete Tavares, a coordenadora pedagógica, Márcia Cordeiro, além de representantes da Escola Estadual Educador Paulo Jorge dos Santos, que atende as unidades do complexo penitenciário de Maceió, e da Escola Municipal de Educação Básica Luciano Alves da Silva, que atende o Presídio do Agreste, no município de Girau do Ponciano. 

 

 

 

Ações do documento

banner_lai+sic_LATERAL-A-PLONE3.jpg
banner_lai+sic_LATERAL-B-PLONE3.jpg

banner_GERAL_LATERAL_sic-plone3.jpg

banner e-ouv
banner-eouv-plone

banner-transparencia.jpg

banner_formulario

portal_do_servidor