Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2018 05 - MAIO Reeducandos da Fábrica de Esperança participam de concurso de redação
16/05/2018 - 11h02m

Reeducandos da Fábrica de Esperança participam de concurso de redação

No Complexo Penitenciário, reeducandos desenvolvem bons hábitos com incentivo da Secretaria da Ressocialização

Reeducandos da Fábrica de Esperança participam de concurso de redação

Primeiros lugares do concurso de redação serão contemplados com livros. (Foto: Jorge Santos).

Texto de Maysa Cavalcante

"Qual a importância do seu trabalho para o enfretamento do cárcere?". Esse foi o tema do concurso de redação dirigido aos internos que trabalham nas oficinas da Fábrica de Esperança. A atividade promovida no Complexo Penitenciário faz parte da programação alusiva ao Mês do Trabalhador, elaborada pela Gerência de Educação, Produção e Laborterapia (GEPL).

Cerca de 40 reeducandos que prestam serviços nas oficinas de Capinagem, Horta, Saneantes, Mecânica, Marcenaria, Corte e Costura, Artesanato e Serigrafia  participaram do concurso. O resultado da prova será divulgado no final de maio em uma ação especial. Todos os custodiados que realizaram a prova receberão certificado e os primeiros lugares ganharão livros.

De acordo com a psicóloga da Seris Emmanuelle Melo, além de incentivar a leitura e a escrita, a ação estimula a reflexão. “Analisamos a visão do reeducando sobre o trabalho e motivação para atuar nas atividades laborais, a fim de montarmos o seu perfil. Além disso, promovemos a autonomia, valorizamos o  trabalho e aumentamos a autoestima deles", afirma.

Judarley de Oliveira trabalha durante o dia e a noite cursa Administração pela Universidade Norte do Paraná (Unopar), na modalidade de Ensino a Distância (EAD). O apenado destaca a importância de abraçar as oportunidades. "No sistema prisional desenvolvi o hábito de ler e escrever. Hoje tenho mais conhecimento e cumpro minha pena com consciência ", disse.

Programação - Além do concurso de redação, os reeducandos também participaram de uma palestra educativa ministrada por profissionais do Centro de Referência Regional em Saúde do Trabalhador (Cerest). Até o dia 17 de maio ocorrerá o Cine Pipoca, com a exibição dos filmes A Cabana e Nise - O Coração da Loucura, na Fábrica de Esperança.

Ações do documento