Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Sala de Imprensa Notícias 2017 07 - JULHO Novas viaturas otimizam trabalho dos agentes penitenciários
11/07/2017 - 09h55m

Novas viaturas otimizam trabalho dos agentes penitenciários

Ressocialização viabiliza investimentos para melhorar serviços desenvolvidos no complexo prisional

Novas viaturas otimizam trabalho dos agentes penitenciários

Agentes penitenciários têm melhores condições de trabalho com novos veículos

Texto de Mayara Wasty

O primeiro semestre deste ano terminou e o Governo de Alagoas, por meio da Secretaria de Estado da Ressocialização e Inclusão Social (Seris), segue com as medidas para melhorar as condições de trabalho e fortalecer a segurança no cárcere.

Recentemente, foram viabilizadas sete novas viaturas, modelo Renault Master Furgão, para otimizar os serviços dos agentes penitenciários, no sistema prisional.

Os veículos são equipados com celas, com capacidade para transportar até oito reeducandos. Além disso, possuem sistema de monitoramento, com câmeras na traseira do veículo e na cela. Desta forma, os agentes podem acompanhar a movimentação interna e externa.

As viaturas estão sendo utilizadas pelo Grupamento de Escolta, Remoção e Intervenção Tática (Gerit), Centro de Telepresença, Frota de Transporte e Presídio do Agreste.

O assessor Técnico de Frota da Seris, sargento José Messias, fala sobre a importância das novas viaturas doadas pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen) e utilizadas desde março pela Seris.

“Sempre buscamos a melhoria do trabalho e agilidade no transporte de reeducandos, pois é um serviço dinâmico que envolve todos os setores da Secretaria”, disse.

Para o supervisor do Grupamento de Escolta, Remoção e Intervenção Tática (Gerit), Manuel Messias Filho, as aquisições da Seris têm melhorado as condições de trabalho.

“As viaturas estão repondo os veículos antigos, que já estavam defasados. Isso proporciona mais eficiência na execução do trabalho e segurança, sobretudo, nas viagens longas”, explica.

Os veículos antigos estão sendo vistoriados. Aqueles que apresentaram problemas serão encaminhados para o setor responsável para os devidos reparos.

Ações do documento